Feira do produtor rural de Castanhal recebe ação de dinamização

Produtores recebem capacitações e consultorias em marketing e organização

A tradicional Feira do Produtor Rural de Castanhal, que reúne a produção de agricultura familiar de sete municípios da região, completou 30 anos em setembro, ganhando mais competitividade. Cerca de 150 dos 230 feirantes pertencentes à Associação Feira do Produtor em Castanhal – AFEPRUC, foram contemplados com a ação de Dinamização de Feiras Livres do Sebrae, que oferece ações de marketing e organização a produtores de feiras livres do estado.

A ação de dinamização ocorreu nos dias 14 e 15 de setembro, com a presença de autoridades e representantes do Sebrae, Prefeitura Municipal de Castanhal, ACANPA – Associação do Comércio Agropecuário do Nordeste Paraense e da AFEPRUC. Na ocasião, Gisele Silva, gerente do Sebrae na região Guamá, falou sobre o projeto para as feiras livres. “Esta feira foi uma das nove selecionadas do estado para receber o projeto. Os feirantes receberam kits padronizados e capacitação em vendas diretas No Campo e agora terão consultorias de setorização e organização, além de terem a evolução de seu faturamento acompanhada pelo Sebrae para apoio em ações de mercado e de comercialização”.

À frente da AFEPRUC por três anos, o produtor João Bosco falou da importância da parceria para a melhoria da Feira. “Participamos em 2015 do Movimento Compre do Pequeno Negócio e agora retomamos a parceria com o Sebrae, que nos ofereceu cursos sobre como atender melhor o freguês, dinamizar as vendas e reduzir os custos no campo. Isso foi um presente para nós agricultores, que geralmente somos deixados em segundo plano pelas políticas públicas”.

A produtora Tersila Diniz aproveitou a ocasião para inaugurar a nova estrutura de sua barraca. Para ela, a capacitação em vendas foi o gás necessário para colocar suas ideias para fora do papel.  “A localização da minha barraca torna difícil as vendas, pois estou longe do corredor principal. O curso do Sebrae me mostrou que muitas das minhas ideias para crescer podem dar certo, corri para fazer coisas que antes tinha vontade, mas não fazia por medo, como por exemplo, melhorar a estrutura para chamar mais atenção da clientela”, disse ela, que produz e vende hortaliças, frutas e leguminosas.

O objetivo dos produtores agora é conseguir ampliar a feira, dando mais oportunidades a outros produtores para vender seus produtos direto ao consumidor. “Queremos agora um projeto de revitalização para ampliar o espaço e receber mais agricultores. Esperamos que saia a emenda parlamentar proposta para a execução do projeto”, torce João Bosco. “A parceria com o Sebrae já rende muitos frutos aos empreendedores de Castanhal e pretendemos continuar esse projeto em parceria para que esta feira continue a crescer”, frisou o prefeito de Castanhal, Pedro Coelho.

Tags: Dinamização de Feiras Livres