Empreendedorismo

Empreendedorismo é uma boa alternativa para a ressocialização

Sebrae e parceiros capacitam detentos do Centro de Recuperação de Mocajuba

Trinta e três detentos do Centro de Recuperação de Mocajuba, município que fica na região Tocantins do Estado do Pará, foram capacitados para empreender. A iniciativa faz parte das ações do projeto ‘Empreender além dos Muros’, realizado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJ/PA), por meio da Comarca do município de Mocajuba, Defensoria Pública do Estado do Pará e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae no Pará. 

O projeto, que conta com a parceria do Centro e da prefeitura municipal, tem como objetivo incentivar o empreendedorismo como alternativa de ressocialização. A entrega dos certificados dos cursos, palestras e oficinas foi no último dia 22.

No total, foram 26 horas de capacitação, em seis módulos, nas áreas planejamento, controles financeiros, modelos de negócios, Microempreendedor Individual (MEI) e plano de negócios, no período de janeiro a agosto deste ano.

Quinze, dos 33 detentos, também participaram de oficinas de fabricação de vassouras com garrafas pet. “A intenção é mostrar que empreender é uma boa alternativa para eles  após a saída do Centro, como forma de reintegrá-los na sociedade”, diz a gerente do Sebrae na região Tocantins, Aureni Leite.

O projeto também ajuda os participantes na redução de suas penas. “Para cada 12h de estudo, é concedido um dia de remissão de pena, segundo rege a lei de execução penal”, explica a defensora pública do Estado, Elisiane Rocha.

“Essa é a grande oportunidade das vidas de vocês. O que aprenderam, pode ser a chance de terem uma vida diferente quando estiverem lá fora”, disse o juiz da Comarca de Mocajuba, Daniel Girão.

Também participaram do evento  a coordenadora de ensino e pesquisa da Defensoria Pública do Estado, Emiko Alves; o diretor do Centro de Recuperação, Rosenildo Pinheiro; o tenente Rodrigues, da Polícia Militar; Edilene Lopes, representante da Prefeitura de Mocajuba; e funcionários do Centro, como o assistente social Olegário Coutinho, que conduziu as ações de capacitação.

 

Fábrica

Após a capacitação dos detentos, agora os trabalhos serão para a instalação de uma fábrica de vassouras de garrafas pet dentro do Centro de Recuperação de Mocajuba. A intenção é de que ainda neste ano o projeto seja colocado em prática.

Os detentos que irão trabalhar no local também terão direito à remissão de pena, conforme a lei de execução penal.

Mais informações:

Assessoria de Imprensa Sebrae

(91) 31819136

(91) 31819137

(91) 31819138

(91) 31819140

Para empreendedores:

Central de Relacionamento Sebrae
0800 570 0800