Vendas

Agricultores discutem o fornecimento para merenda escolar em Santarém

O objetivo é mapear a produção da agricultura familiar local e elaborar um cardápio de merenda para alunos de 450 escolas

Agricultores com equipes do Sebrae e da prefeitura municipal Cerca de 30 produtores da agricultura familiar de Santarém e Belterra participaram, hoje (27)  pela manhã do Encontro de  Agricultura Familiar, que ocorreu no auditório da Secretaria Municipal de Educação, em Santarém. Em pauta: o fornecimento de alimentos para compor o cardápio da merenda escolar de 450 escolas da região. 

“Precisamos criar condições favoráveis para que o agricultor possa fornecer sua produção de forma sustentável e sem grandes dificuldades. O desafio maior é fazer com que os agricultores se vejam como empreendedores que são”, comentou Michell Martins, gerente do Escritório Regional do Sebrae em Santarém.

O encontro teve o apoio da prefeitura municipal e a meta da ação é mapear a produção dos agricultores com o levantamento de informações, volume e capacidade de entrega e posterior elaboração do cardápio da merenda escolar feito pela Secretaria de Educação Municipal. A ação pretende aumentar as vendas para o Programa Nacional de Educação Alimentar (PNAE).

O Encontro foi mediado pela palestrante Fabrine Schwanz, consultora do Sebrae, especialista em boas práticas de compras e Políticas Públicas. Na ocasião, ela intensificou com os agricultores a metodologia de compras dentro do PNAE, tirou as dúvidas e levantou questões que serão discutidas no próximo encontro marcado para o mês de abril.

“Essa iniciativa é muito importante e é muito gratificante termos acesso a mais conhecimento que trarão benefícios para os produtores. Esse programa veio para nos beneficiar”, disse o agricultor Sidney Nunes.

 

O projeto  

O Sebrae, por meio do projeto Desenvolvimento Econômico Territorial Baixo Amazonas, atende a 300 produtores distribuídos em seis municípios: Santarém, Mojuí dos Campos, Belterra, Faro, Prainha e Almeirim. A intenção é trabalhar, a princípio, com as prefeituras de Santarém e Belterra e, junto com a equipe de nutricionistas das respectivas Secretarias de Educação, preparar o cardápio da merenda escolar com base no fornecimento dos agricultores, que tem como foco a produção de frutas e hortaliças.

“Em Santarém, a venda de produtos para a prefeitura, já ocorre desde 2012 e a intenção é atender a cerca de 450 escolas localizadas na Zona urbana, planalto e região de rios”, comentou Michell Martins. Ao todo, deverão ser beneficiados mais de 66 mil alunos das escolas públicas do município.

Com a ação, a meta do projeto é ampliar em 20%  as venda dos produtos oriundos da agricultura familiar. O Encontro teve como objetivo ainda o de identificar os problemas  e oportunidades da participação da agricultura familiar no PNAE e mapear a produção da agricultura familiar local.

Além dos agricultores, estiveram presentes representantes de Sindicatos e Associações de produtores, das Secretarias de Agricultura, de Administração e do setor de Compras e Licitação.

 

Mais informações:

Comunicação e Marketing do Sebrae no Pará

(91) 3181 9136

(91) 3181 9137

(91) 3181 9137

umc@pa.sebrae.com.br